municio matola presidenteO Edil da Matola, Calisto Cossa, visitou recentemente, o Mercado T3, na sequência das mensagens postas a circular, dando conta da venda e consumo de couve supostamente contaminada, no Posto Administrativo do Infulene.

pemba contentoresMais de 23 contentores de superfície, com capacidade até 700 litros cada, serão adicionados aos 120 meios que estão operacionais ao nível dos bairros municipais, anunciou o Edil de Pemba, Tagir Carimo, durante a cerimónia oficial de entrega dos meios, ao Município de Pemba, pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento Sustentável.

governadora mndlhakazi visitaSua Excia. Governadora da Provincia de Gaza, Stella Pinto Zeca, visitou, recentemente, as obras de reabilitação da Maternidade do Hospital Rural de Mandlakazi e Procedeu a oferta de 500 frangos para reforçar a alimentação dos doentes.

fiscalizacao actividade comercial mandimba meio circulanteMediante o financiamento concedido, através do Programa de Desenvolvimento Municipal, 1.585.020MT (Um Milhão Quinhentos Oitenta e Cinco Mil e Vinte Centavos) foram desembolsados ao Conselho Municipal da Vila de Mandimba, para a aquisiçāo de uma viatura de marca Nissan, visando melhorar a fiscalização da actividade comercial naquela autarquia.

Falando aos municípes, no acto de entrega do meio circulante, o Presidente do Conselho Municipal de Mandimba, realçou que a viatura veio para alavancar o incremento de receitas, uma vez que no passado, vários comerciantes, de má fé, punham se em fuga, sempre que se apercebessem da presença das autoridades locais.

Ainda segundo o Edil de Mandimba, “este meio veio para servir nāo só a equipa policial, durante os trabalhos de fiscalizaçāo, mas também, poderá vir a ser útil para toda a equipa do município, nas actividades que pretendam realizar no campo”, destacou.

matola 11 mil duatsOnze mil famílias de diferentes bairros dos Postos Administrativos da Machava e Infulene, no Município da Matola, receberam, recentemente, títulos de Direito de Uso e Aproveitamento da Terra (DUATs) relativos aos espaços onde estão instaladas as suas residências.

A entrega daqueles documentos aos proprietários dos imóveis enquadrou-se na campanha de regularização massiva dos terrenos levada a cabo pelas autoridades municipais que pretendem regularizar todas as habitações existentes na urbe.

Segundo as autoridades municipais, a atribuição daqueles documentos visa proporcionar segurança aos proprietários dos espaços e reduzir os conflitos de terra que se verificam entre os residentes de diversos pontos daquelas zonas residenciais, sabido que grande parte dos proprietários das residências existentes na Matola ainda não possuem documentos que conferem o direito do uso dos locais onde estão edificadas as suas casas.

“ o munícipe que tem documentos que provam que o espaço onde vive é seu tem múltiplas vantagens porque tem a prorrogativa de pedir empréstimo bancário usando a casa como garantia e/ou penhora e acima de tudo reduz conflitos de terra que existem um pouco por todo o país”, referem as autoridade municipais.

No âmbito da campanha, iniciada em 2015, o município recebeu cerca de 35 mil pedidos de regularização de terrenos, tendo prosseguido com análise dos processos e trabalho de fiscalização das habitações para verificar a conformidade dos mesmos e evitar situações de conflitos de terra.

Pág. 1 de 4